Até quando você vai esperar para ser feliz ? Um processo de Coaching pode te ajudar !

Nunca se falou tanto sobre procrastinação, a arte de deixar para amanhã o que você pode fazer hoje. Nunca se falou tanto em ser feliz, em ir atrás dos seu sonhos, em atingir seus objetivos. E mesmo assim, muitas pessoas continuam no mesmo lugar. Umas com medo de darem um passo aparentemente não tão seguro assim. Outras por causa de uma grande acomodação, a famosa zona de conforto. E assim vão levando a vida. Quando se dão conta, anos se passaram, e estão no mesmo lugar.

Um grande motivador para sair do lugar é você se fazer a seguinte pergunta : “Como vou me sentir se daqui a dois anos eu estiver neste mesmo lugar, com este mesmo sentimento de infelicidade, achando que as coisas nunca dão certo pra mim ?”

Outra pergunta motivadora é : “Quanto vai me custar não fazer nada ?” Esta dói muito, porque este custar não é sobre dinheiro, é sobre auto estima. É sobre tomar as rédeas da sua vida ou ir deixando a vida te levar…

Geralmente nos meus processos de Coaching Afetivo, estas perguntas são muito pertinentes, especialmente para os casados. Se o casamento não está bom, será que daqui dois anos as coisas vão mudar se você não fizer nada. Ou pior : quanto vai te custar de saúde, de bem estar, de harmonia no lar você não fazer nada ?

Em outras esferas da vida, estas questões também valem : até quando você vai ficar reclamando do seu chefe e não fazer nada ? Até quando você vai esperar aquela promoção ? Até quando você vai abrir mão de ficar com seus filhos por causa do trabalho ?

As questões são infinitas, as possibilidades também. Quando você dá o primeiro passo, algo começa a mudar dentro de você. Você se sente mais confiante, mais forte para encarar os desafios, simplesmente porque agiu. E esta ação pode se iniciar por um Processo de Coaching, ou por uma matrícula num curso que há tempos você quer fazer. Pode se iniciar também com um telefonema para aquela pessoa especial que há tempos você tem desejado refazer o contato.

Não deixe para amanhã o que você pode fazer hoje. Não aceite a possibilidade de deixar tudo igual e aceitar que daqui a dois anos você vai pensar no que fazer. Tome uma atitude hoje. Decida ser feliz hoje, através de um esboço de seu planejamento, mesmo que demore alguns anos para ser concretizado. Não tenha pressa, amadureça suas decisões. Mas faça hoje o que pode ser feito. A sensação de felicidade já começa por aí !

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInPin on Pinterest